A estreia de Homem-Aranha: Sem Volta para Casa foi digna de um blockbuster em "tempos normais" de cinema. Como informa o portal Deadline, somente na quarta-feira, quando o filme foi exibido em 15 países, ele chegou a arrecadar US$ 43,6 milhões de dólares (cerca de R$ 250 milhões). Sem Volta para Casa também quebrou recordes e deve ultrapassar as projeções da indústria para o fim de semana. A pré-estreia norte-americana foi ontem (16), então o cenário só tende a melhorar.

Ontem, o longa foi o melhor lançamento de qualquer quarta-feira no Reino Unido, com R$ 57 milhões, superando os R$ 37 milhões de Sem Tempo Para Morrer. Esta também foi a melhor abertura da história feita pela Sony no Reino Unido.

Também na quarta-feira, Sem Volta para Casa conseguiu R$ 51 milhões no México e fez a melhor abertura de todos os tempos por lá, inclusive acima de Vingadores: Ultimato. Já na França, Aranha fez R$ 24 milhões, ligeiramente melhor que Vingadores: Guerra Infinita por lá.

Na Rússia foi a melhor abertura de todos os tempos, com R$ 19 milhões, mesmo valor que arrecadou na Itália, resultando em outro recorde para a Sony no dia de abertura. Em Taiwan, o filme fez R$ 8 milhões.

O terceiro longa do Aranha arrecadou cerca de R$ 30 milhões na Coreia do Sul, com a melhor estreia da "era pandêmica". Ele está 11% melhor do que Longe de Casa, antecessor de Sem Volta para Casa em tempos pré-pandêmicos. A Coreia foi o segundo maior mercado internacional de bilheteria de De Volta para Casa, depois da China (que ainda está para lançar este terceiro filme), logo, o desempenho é um indicador de que mais recordes vêm por aí.









Comentários