Em abril deste ano, o criador Ryan Murphy divulgou o primeiro teaser da nona temporada de American Horror Story, revelando que terá o subtítulo e temática "1984", mostrando um grupo de jovens em um acampamento no meio do nada. Essa abordagem tem como finalidade uma fiel homenagem às obras cinematográfica de terror e horror caracterizados como slashers, que trazem um grupo de personagens perseguidos por um serial killer. Esses filmes tiveram sua popularidade na década de 80, porém, até os dias atuais, a narrativa e presença dessas obras ainda são bastante vivenciadas, dando lacunas para que sejam inspirações a produções atuais.


American Horror Story: 1984 tem sua estreia dia 18 de setembro (quarta-feira) e conta com Emma Roberts (Scream Queens), Cody Fern (Apocalypse), Angélica Ross (Pose), Billie Lourd (Scream Queens), Leslie Grossman (Apocalypse) e Matthew Morrison (Glee) que fazem parte do elenco principal da série - já anunciados em teasers de divulgação da franquia - e, junto a eles, o bonitão esquiador britânico e medalhista Gus Kenworthy entra no projeto, na sua primeira experiência como ator. 

A partir desse panorama geral, juntamos alguns temas que esperamos ser abordados durante a trama, levando em consideração as temporadas anteriores da franquia, a temática e as inspirações de desenvolvimento da nova temporada da série. Vem com a gente!

1. Um assassino em série louco


O subgênero de filmes slasher usualmente envolve serial killers que matam suas vítimas aleatoriamente sem um propósito aparente - matam por matar (óbvio!). Assim, como os trailers já trouxeram para o público, American Horror Story:1984 terá seu próprio serial killer, apelidado Mr. Jingles. Esse nome é uma notável referência ao livro de 1996 A Espera de Um Milagre, de Stephen King - o grande escritor do gênero de horror - que em 2000 teve sua adaptação cinematográfica.

Diante desse aspecto, a série irá nos mostrar uma grande incógnita de quem é o assassino, nos levará a observar atentamente os personagens apresentados durante a trama e deixará a gente sempre desconfiado de todos, juntando as peças e tentando adivinhar quem é Mr. Jingles.

2. Conexões entre temporadas


Denominada como uma série antológica, cada temporada de American Horror Story é caracterizada como uma história independente das demais. Porém, em algumas temporadas pra cá, American Horror Story vem nos mostrando conexões sutis entre suas linhas narrativas, e já é oficial o fato de que todas as suas temporadas são interligadas. Já ocorreu momentos onde alguns personagens aparecem como easter eggs em duas ou mais temporadas, assim como acontecimentos de uma temporada x ser mencionada em temporada y.

Sendo assim, a nona temporada da série poderá trazer personagens já conhecidos pelos fãs para fazer uma conexão na nova trama, interligando as temporadas e fechando algum ciclo mal explicado ou mal resolvido nas anteriores. Quem você gostaria que voltasse para essa temporada?

3. Clichês


Por ter como inspiração principal os filmes de terror da década de 80, é super esperado que a série esteja carregada de clichês já saturados nas obras do gênero. E é muito bom que todos nós estejamos já cientes de que terá esse tipo de abordagem durante os episódios, pois é o que a série está proposta a entregar nesta temporada.

Por outro lado, é uma grande oportunidade para que eles quebrem esse padrão de clichê e nos mostrem formas de assassinatos novos, perseguições diferentes, personagens com maior personalidade e bem construídos. Mas é sempre bom não ter grandes expectativas para que isso ocorra nesta temporada.

4. Homenagens


Como já dito anteriormente, American Horror Story:1984 será baseada nas narrativas dos filmes de terror das últimas décadas do século XX, com isso, podemos ter certeza que teremos muitas referências e homenagens a longas clássicos que até hoje são lembrados com carinho pelos fãs e adoradores de cinema.

Filmes como Sexta-feira 13, A Hora do Pesadelo, Halloween e outros irão ter bastante influência nessa construção de temporada, o que vai ser bastante gostoso para quem aprecia desde muito tempo esse tipo de longa de horror.

5. Personagens genéricos


Pode ser um ponto negativo a abordagem e construção de personagens genéricos que a maioria dos filmes dessa época traziam - a patricinha burra, o galã fortão, o nerd esquisito, entre outros - mas às vezes pode ser um ótimo momento para dar fins diferentes a esses personagens, mostrando atitudes diferentes, fugas mais bem elaboradas, personalidades mais fortes e chocantes.

Não se sabe muito dos personagens que irão vivenciar a trama, o que torna tudo ainda mais interessante para a estreia, onde poderemos conhecer sem descrição prévia o papel de cada um dos atores (por mais que já tenha saído teasers e trailer com algumas ideias e pistas rasas de cada personagem).

6. Horror a mil


A atriz Billie Lourd garantiu no The Tonight Show With Jimmy Fallon que American Horror Story: 1984 será a temporada mais assustadora da série. Ela já é considerada veterana dentro do seriado, o que indica que ela sabe muito bem o que está falando.

Entretanto, tudo pode ser uma grande jogada de marketing para atiçar a curiosidade e empolgação dos fãs e interessados na série. E se isso for verdade, ela conseguiu!

7. Cenas quentes


MUITA SAFADEZA! Já é uma marca da série mesclar cenas bastante macabras e assustadoras com momentos sexuais. Já vimos, por exemplo, Lady Gaga em uma sangrenta orgia com Matt Bomer e outros dois figurantes, assim como diversos episódios de sexo e momentos onde os atores aparecem sem partes de roupas, bastante sensuais. E se outros temas não davam tanta abertura para isto e mesmo assim haviam cenas quentes, American Horror Story: 1984 tem tudo para trazer ainda mais desses episódio, levando em consideração os filmes slasher que fazem base de inspirações pra trama.

8. Música


A-ha, Cyndi Lauper, Bonnie Tyler, Madonna, New Order. Esses e outros artistas em seu auge nos anos 80 poderão fazer sonoridade para a nova temporada, sendo mencionados ou tendo suas músicas discretamente dentro das cenas.

American Horror Story sempre teve uma ligação muito forte com o universo da música - talvez influenciado pela antiga produção de sucesso de Ryan Murphy, Glee - e não vai ser agora, com uma temática envolvendo uma década tão influenciada pela indústria musical, que irá trilhar um caminho diferente. Estamos muito ansiosos para a trilha sonora!

9. Figurinos temáticos


A MODA DOS ANOS 80! A New Wave, moda da década de 80, se inspirou na onda da ginástica aeróbica, contrariando a moda dos anos 60 e 70 - onde o vestuário prevalecia roupas largas. Nos anos 80 o uso de roupas de ginástica (lycra, sapatilha, polaina) no cotidiano eram combinadas com roupas de cores chamativas e estampas de animais.

E como já visto nos teasers de divulgação, a gente experienciará um show de moda dessa época. Já foi mostrado os atores da temporada caracterizados com a new wave, com muita lycra, croppeds e muita (e muita) referência à academia e ginástica.

10. Elenco diferente


Desde a primeira temporada de American Horror Story, o elenco e atores principais foram mudando (menção honrosa a nossa querida e maravilhosa Jessica Lange). Até a última temporada, quem estava trilhando o protagonismo da série era Sarah Paulson, porém, na nona temporada, Emma Roberts parece ganhar o título de protagonista.

Além disso, podemos notar novas caras para o elenco principal, como o já mencionado o atleta Gus Kenworthy (esperamos muitas cenas sem camisa), e o queridinho de Ryan Murphy em Glee, Matthew Morrison. Com isso, também podemos notar a ausência de rostos que sempre estiveram desde a primeira temporada do seriado, como Evan Peters. Mesmo que seja uma jogada de refresh para a série, sentiremos saudades dos nossos queridinhos, mas não deixando de aproveitar os novos rostos que tem tudo para fazer um ótimo trabalho nessa temporada.

E então, o que achou da nossa análise prévia? O que mais você está esperando dessa nova temporada? Conta pra gente! E não esqueça de acompanhar a série.






Comentários