O Emmy Awards é uma premiação anual destinada aos programas televisivos. Na noite de ontem, 18 de setembro, foi realizada a 68ª edição, que contou com bastante humor, surpresas e emoções.

Jimmy Kimmel foi o apresentador do evento pela segunda vez. Já no início, fez um monólogo recheado de piadas que serviram como prévia do que se seguiria o evento. Ele deu o prêmio de Jeffrey Tembor para “poupar tempo” e ainda por cima deu uma zoada na queridíssima Maggie Smith. Jimmy fez toda uma entrada triunfal na cerimônia. fugiu de O.J. Simpson, encontrou Selina Meyer (Julia Louis-Dreyfus de “Veep”), passeou com James Corden de “Carpool Karaoke” e por fim, pegou uma carona pra lá de incomum com Daenerys Targaryen de “Game of Thrones”. Esse cara não tem limites, tem? Dá uma olhada:


Da série: coisas maravilhosas que aconteceram na premiação, temos três crianças de Stranger Things marcando presença. Millie Bobby Brown (Eleven), Gaten Matarazzo (Dustin) e Caleb McLaughlin (Lucas) fizeram uma aparição incrível no tapete vermelho, e como se não bastasse, distribuíram sanduíches para os convidados e ainda cantaram a música Uptown Funk. Ok, gente, vocês já podem parar de ser tão fofos.



The People v. O.J. Simpson: American Crime Story foi a série mais premiada da noite: conquistou os prêmios de melhor série limitada, melhor ator em série limitada (Courtney B. Vance), melhor atriz em série limitada (Sarah Paulson) e melhor ator coadjuvante em série limitada (Sterling K. Brown). Game of Thrones também teve bastante notoriedade: ficou com melhor série de drama, melhor roteiro em série de drama e melhor direção de drama. Depois dessa, a conceituadíssima GoT alcançou o título de maior série premiada de drama de todos os tempos, totalizando um número de 38 prêmios. É para glorificar de pé, não é?

Tatiana Maslany surpreendeu ao receber o prêmio de melhor atriz em série dramática por “Orphan Black”, o que fez os fãs subirem à loucura. Outra surpresa – e também um dos melhores momentos da cerimônia, foi a premiação de Rami Malek como melhor ator de drama em “Mr. Robot”. O ator fez uma expressão de surpresa muito engraçada ao ser anunciado como vencedor, além de soltar uma das frases clássicas de seu personagem na série: “digam-me que também estão vendo isso”, assim que pôs as mãos no prêmio. 



Mas talvez, a grande vencedora da noite foi na verdade a diversidade étnica. Rami Malek é norte-americano, mas filho de egípcios e com descendência grega. Pela primeira vez nesses 68 anos de Emmy, homens negros foram indicados em todas as categorias do evento. Talvez isso venha em resposta ao “#Oscarssowhite”, que ganhou força na internet, ou quem sabe o Emmy Awards tenha dado um grande passo a favor das minorias nessa noite. Além disso, vale lembrar que Jeffrey Tembor recebeu o prêmio de melhor ator em comédia por interpretar uma mulher transgênero na série Transparent. Jeffrey, Jill Soloway (a criadora de Transparent) e Laverne Cox também aproveitaram a noite para pedir menos violência e mais oportunidades para atores transgêneros.


Confira a lista de vencedores no site oficial do evento aqui.




Facebook




Comentários