Pete Docter, o lendário roteirista e diretor da Pixar ("Divertida Mente", "Up", "Monstros SA", "Toy Story", "Wall-E"), e o co-diretor Ronnie del Carmen, finalmente falaram sobre a teoria mais comentada, criada por um fã, que afirma que todos os filmes da Pixar estão dentro do mesmo universo, durante diferentes períodos de tempo. 

Ano passado,  a notícia é antiga, mas poucas pessoas falaram sobre ela, então viemos aqui reafirmá-la para todos que ainda não sabem  em uma conferência de imprensa para o lançamento de "Divertida Mente", nas Filipinas, os produtores foram questionados se a famosa "Teoria Pixar" era real. Em resumo, a resposta foi "não". Pete disse:

Esta vai ser uma resposta controversa, mas eu não sei. Para mim, essa teoria quebra meu cérebro. Penso nos filmes em vários universos diferentes, onde ninguém se cruza. Você sabe, eu não penso que Os Incríveis seriam capazes de andar pela rua e esbarrar com Carl Fredricksen.

Ronnie então se juntou a conversa:

Nós não acreditamos que os filmes se passam em um mesmo lugar, no mesmo universo. Quando nós criamos eles, não pensamos que estão conectados, exceto quando temos os easter eggs que aparecem ao longo de todos estes filmes, por isso é contraditório quando dizemos isso também. Portanto, essa não é uma daquelas coisas que paramos e fazemos uma reunião para discutirmos sobre. John Lasseter (diretor criativo da Pixar) não vai sentar lá dizendo: "Eu quero ter certeza de que todos os nossos filmes estejam conectados. Não me dê um filme que não está ligado aos outros." Não é assim que as coisas funcionam. Apenas fazemos coisas que são importantes para cada um dos diretores e nos divertimos com isso. É tudo o que fazemos.

Todas as teorias devem ser provadas verdadeiras ou falsas, e para a tristeza de muitos fãs, esta não é real. Embora seja bem divertida e inteligente, nunca foi originalmente criada pelos cineastas. As mentes brilhantes por trás dos filmes da Pixar acreditam que cada filme esteja dentro de seu próprio universo em vez de em um grande universo compartilhado. 

Mas e os tais "easter eggs"? Bem, eles são apenas objetos ou personagens ocultos pelo cenário. Por exemplo, no quarto da Boo, em "Monstros SA", podemos ver um boneco Woody em cima da mesa. Além desse, a Pixar é famosa por inserir diversos outros easter eggs em seus filmes, fato que pode ter dado mais veracidade à Teoria Pixar criada pelo fã Jon Negroni.

Porém, será que se a teoria fosse real, os diretores afirmariam tão facilmente? Será que a negação da sua existência não é apenas uma armadilha para os fãs? Fica a dúvida no ar.

Fonte: Disney Geekery




Facebook




Comentários