Dos famosos quadrinhos franceses direto para as telonas do cinema, o novo filme "Asterix e o Domínio dos Deuses" (originalmente em francês Astérix - Le Domaine des Dieux) não é um sucesso de bilheteria, mas com certeza agrada muito as crianças e aos adultos fãs de Asterix.

Dirigido por Louis Clichy, o longa, que tem crianças como público alvo, conta a história da tentativa de Júlio César derrotar o povo bárbaro gaulês. Cansado da derrota de sempre, o imperador romano decide adotar novas estratégias para realizar seu grande plano de conquistar a vila de Asterix com a construção romana do Domínio dos Deuses, que cerca a vila gaulesa e tem como objetivo incluir os gauleses às tradições romanas, oferecendo a esse povo um estilo de vida completamente diferente do costumeiro. Contudo, insatisfeitos e suspeitando das boas ações de Julio César, Asterix e Obelix entram em cena dispostos a intervir nesse cenário. 


Ao contrário dos longas de animação tradicionais, com durações grandes, a aventura de Asterix e Obelix é contada em um tempo menor - o que deixa a animação muito mais agradável principalmente para as crianças. Além disso, apesar de se tratar de uma época de guerras e brigas entre os povos antigos, o filme não expressa nenhum tipo de violência e tira proveito das cenas com mais "ação" para usar efeitos cômicos, como, por exemplo, simplesmente mandar um personagem voando pelos ares, o que dá o ar da graça e arranca gargalhadas de todo mundo.

O roteiro, baseado no quadrinho número 17, Le Domaine des Dieux, não é lá muito original, mas permanece interessante e acelerado o suficiente para prender nossa atenção, sem quaisquer momentos maçantes. No entanto, recomendamos que você sabe saiba no mínimo algo sobre o mundo de Asterix antes de ver este filme, ou você começará sua aventura literalmente atirado de cabeça num poço sem fundo. É realmente um filme feito para os fãs dos quadrinhos, onde os telespectadores que nunca ouviram falar sobre Asterix nem sempre vão entender as piadas ou trocadilhos, já que eles não conhecem o fundo nem a base da história.


Aos adultos que sempre acompanharam as aventuras dos personagens cômicos Asterix e Obelix, e às crianças, o filme é altamente recomendado. No entanto, para algumas pessoas que nunca leram os quadrinhos antigos, talvez o filme possa ser um pouco chato e sem graça. De qualquer forma, vale a pena conferir para ver as sátiras e comparações inteligentes que são feitas ao longo da história.





Facebook




Comentários